Ementa:

           Segundo a Sociedade Brasileira de Pediatria o esporte também é uma ferramenta de inserção social, que se dá por meio da: melhora da autoestima; da promoção do relacionamento em grupo; do desenvolvimento de responsabilidades; do estímulo de lideranças positivas; e, principalmente, uma forma de simular situações comuns à vida como “ensinar a perder e não só a ganhar”. Destarte, é de interesse oportunizar as crianças e adolescentes, de forma sistemática, a prática contínua de esportes, pois reconhecemos as atividades esportivas como canal de socialização positiva, inclusão social, indicação de benefícios na formação moral e da personalidade, além de proporcionar bem estar biopsicosocial aos praticantes.

Conteúdos Programáticos:

· Atividades lúdicas: Jogos de tabuleiro, dinâmicas de integração, conhecimento e trabalho em equipe.

· Atividades técnicas: modalidades esportivas como atletismo, futebol, voleibol, handball, etc.

· Atividades de conscientização corporal: alongamentos, aeróbicas, e outros exercícios que trabalhe a respiração e desenvolvam melhor preparo físico.